29 / Maio / 2024

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

“Aurora” renasce de edifício estilo “Português Suave” junto ao Marquês de Pombal

02 de Novembro de 2021 às 10:48:11

tamanho da letra:

Notícias

Fruto da reabilitação do n.º 7 da Avenida António Augusto de Aguiar, um edifício do estilo arquitetónico “Português Suave”, tão característico de Lisboa entre os anos 1930 e 1960, surge agora o “Aurora”.

Este novo projeto residencial disponibiliza 36 apartamentos em diferentes tipologias e já está no circuito de vendas, com comercialização em regime de co-exclusividade pela JLL e Porta da Frente Christie’s.
Vocacionado para quem pretende viver no centro da cidade e promovido pela Lantia, o Aurora situa-se junto ao Marquês de Pombal. O edifício ganha o nome da Deusa do Amanhecer da mitologia romana, que está eternizada no edifício numa escultura assinada por Leopoldo de Almeida, um dos grandes precursores do estilo “Português Suave”. O projeto de reabilitação preserva a identidade de um edifício progressista à sua época, transportando para o presente esta estética arquitetónica que alterou a paisagem urbanística portuguesa.
O Aurora oferece casas ajustadas a diferentes necessidades de espaço, incluindo 16 apartamentos T1, 14 apartamentos T2 e ainda 4 apartamentos T3 e duas penthouses T3. Segundo as entidades responsáveis pela sua comercialização, “Os Aurora One são os apartamentos T1, sendo especialmente vocacionados para a compra para investimento. Os Aurora Two, que abrangem os apartamentos T2, dispõem de estacionamento próprio e apostam na qualidade superior dos materiais. Os Aurora Three, as unidades de tipologia T3, incluem, além do estacionamento próprio, também espaço de arrecadação (…). Os Aurora Penthouses destacam-se dos restantes pela integração de um terraço na zona de sala”. 
O edifício disponibiliza aos residentes serviço de concierge, incluindo uma sala para receção de encomendas, “além de se posicionar na primeira linha da mobilidade sustentável, com a integração de uma área de e-parking, um parque de bicicletas com carregadores para bicicletas elétricas”. 

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.