13 / Novembro / 2019

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Palácio das Cardosas vence Prémio Nacional de Reabilitação Urbana

04 de Abril de 2013 por Lurdes Neto às 16:22:49

tamanho da letra:

Notícias

O Hotel Intercontinental Palácio das Cardosas, cuja reabilitação esteve a cargo da Lucios Engenharia e Construção, foi distinguido com o prémio ‘Melhor Intervenção na Cidade do Porto’, entregue no âmbito da 1ª edição do Prémio Nacional de Reabilitação Urbana.

A concurso estavam 36 projetos oriundos de todo o país e assentes nas mais diversas áreas de negócio, incluindo habitação, turismo, comércio, serviços e equipamentos sociais.
A obra, que se localiza numa das mais importantes artérias da cidade do Porto, em plena zona classificada de património mundial pela UNESCO, implicou a demolição do edifício e a manutenção da fachada original do Palácio das Cardosas, tendo ficado concluída em junho de 2011.
Tendo em vista a integração do projeto, a construtora explica que houve uma aposta na manutenção da imagem dos edifícios voltados para os espaços urbanos envolventes, nomeadamente a Praça Almeida Garrett, a Praça da Liberdade e o Largo dos Loios.
Recorde-se que o Prémio Nacional de Reabilitação Urbana é atribuído no âmbito da Semana Nacional da Reabilitação Urbana, a qual decorre até dia 10 de abril, e consiste na distinção de projetos que contribuam para a regeneração das cidades portuguesas, para o seu desenvolvimento económico e para a melhoria de vida das suas populações, distinguindo, simultaneamente, os agentes que se empenham em promover estas mudanças.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.