24 / Janeiro / 2022

Segunda

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Empresas ver todas os artigos desta secção

Garcia Garcia assegura ampliação da norte-americana Brunswick em Portugal

11 de Janeiro de 2022 às 09:34:42

tamanho da letra:

Empresas

A Garcia Garcia, construtora especializada no design and build de edifícios industriais e logísticos, vai executar, com intervenção também ao nível da arquitetura e engenharia, a ampliação da unidade industrial da multinacional norte-americana Brunswick, em Vila Nova de Cerveira.

O projeto consiste na ampliação das instalações da Brunswick, através da construção de uma nova nave industrial. Os trabalhos incluem a demolição de um edifício existente e a edificação de um novo, contíguo às atuais instalações da empresa. O novo edifício agregará uma área total de 5.200 m2, dos quais 4.000 m2 terão como destino o apoio à produção e 1.200 m2, em piso superior, terão como fim áreas administrativas e sociais. A fase conceptual do projeto teve em linha de conta alguns desafios e condicionalismos, nomeadamente o espaço disponível e o facto de a empresa continuar a laborar, o que obrigou a um planeamento sólido e uma coordenação eficaz entre a Garcia e a Brunswick, explica-se em comunicado. Desta forma, todas as intervenções foram planeadas e estão a ser executadas de modo a não provocarem constrangimentos à normal atividade da Brunswick, sendo que a realização dos trabalhos em obra foi previamente pensada para garantir a segurança de todos os trabalhadores e a normal laboração da empresa. Para além da construção da nova nave industrial, a construtora está a realizar alguns trabalhos de melhoria nas naves já existentes, com o objetivo de otimizar os processos produtivos e as instalações da Brunswick. 
Este é o segundo projeto que a Garcia desenvolve com a Brunswick, especialista na conceção, construção e comercialização de produtos de entretenimento, e atualmente uma das maiores produtoras mundiais de barcos de lazer e de recreio, reforçando uma parceria iniciada em 2012, quando a construtora foi responsável pela reconstrução de uma das naves industriais do complexo da subsidiária portuguesa. 
Alinhado com a sua estratégia de crescimento e expansão, este projeto permitirá à subsidiária portuguesa potenciar o aumento da sua capacidade produtiva e logística e tem conclusão prevista para junho do próximo ano. 

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.