15 / Outubro / 2021

Sexta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Empresas ver todas os artigos desta secção

Garcia Garcia constrói nova unidade da BorgWarner em Viana do Castelo

12 de Outubro de 2021 às 17:28:03

tamanho da letra:

Empresas

A BorgWarner, grupo norte-americano especialista na produção de componentes para a indústria automóvel, lançou esta semana a primeira pedra da sua nova unidade industrial em Portugal, tendo voltado a eleger para a execução do projeto a Garcia Garcia, construtora especializada no design and build.

A nova fábrica será construída no Parque Empresarial de Lanheses, em Viana do Castelo, em local próximo da unidade do grupo já existente no mesmo parque. “Será um edifício industrial com cerca de 17 mil m2, concebido para obtenção da Certificação LEED, um certificado internacional que avalia a sustentabilidade dos edifícios desde o design à manutenção, passando pela construção e operação. A conclusão da empreitada está prevista para 2022 e permitirá criar cerca de 300 novos postos de trabalho na região”, destaca-se em comunicado. 
A cerimónia de lançamento da primeira pedra, que assinala o início dos trabalhos, contou com a presença do primeiro-ministro, António Costa, do presidente cessante da Câmara Municipal de Viana do Castelo, José Maria Costa, e de Luís Nobre, eleito em setembro, assim como dos responsáveis da BorgWarner.
Com know-how traduzido num vasto portefólio do qual fazem parte vários projetos de investimento estrangeiro, a Garcia Garcia volta a associar-se a uma multinacional que mantém a sua aposta em Portugal. Em 2014, a BorgWarner confiou à construtora portuguesa o projeto e construção do seu complexo industrial em Viana do Castelo. O projeto, na altura reconhecido como de Potencial Interesse Nacional (PIN), visava permitir à multinacional norte-americana aumentar a sua capacidade e flexibilidade produtiva em Portugal. 
Dando agora continuidade ao trajeto, “a BorgWarner renova a confiança na Garcia para o projeto e construção de uma nova unidade industrial, que será dedicada à produção de motores elétricos. A construtora participa, assim, em mais uma obra para o ramo automóvel na região de Viana do Castelo, onde está instalado um verdadeiro cluster de empresas do setor”, adianta-se no referido comunicado.
O Grupo BorgWarner é especialista mundial em soluções de tecnologia limpa e eficiente para veículos de combustão, híbridos e elétricos. Com fábricas e instalações técnicas em 96 localizações, distribuídas por 24 países, a empresa emprega cerca de 50 mil pessoas. O grupo norte-americano é um dos maiores produtores mundiais de componentes para a indústria automóvel e tem como foco acelerar rumo à eletrificação, pretendendo proporcionar soluções de mobilidade inovadoras e sustentáveis para este mercado. Em Portugal, a BorgWarner emprega cerca de 950 trabalhadores, encontrando-se já a recrutar trabalhadores para esta nova unidade, que deverá iniciar produção em 2023. 

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.