03 / Dezembro / 2021

Sexta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Empresas ver todas os artigos desta secção

Tétris reforça no segmento hoteleiro com renovação da Onyria Quinta da Marinha Villas

21 de Setembro de 2021 às 17:03:13

tamanho da letra:

Empresas

A Tétris concluiu as obras de renovação das 27 villas que compõem a oferta de alojamento da Onyria Quinta da Marinha, em Cascais.

As villas, de tipologia T1 e T2, dispõem dos serviços de apoio do Onyria Quinta da Marinha Hotel e foram totalmente remodeladas “para integrar áreas mais amplas e arejadas”, tendo a obra decorrido por um período recorde de 5 meses, destaca-se em comunicado. A empresa de arquitetura e construção do grupo JLL, que foi responsável pela execução integral da obra, colabora pela segunda vez com o Grupo Onyria na Quinta da Marinha, tendo sido responsável anteriormente pela obra de renovação dos 198 quartos da unidade hoteleira de 5 estrelas presente neste empreendimento de luxo.
Carlos Cardoso, Managing Director da Tétris Portugal, evidencia a importância desta nova obra, “que nos permite reforçar a nossa presença no segmento hoteleiro e turístico, onde estamos a apostar fortemente. Este é um setor desafiante e complexo, onde consideramos que podemos aportar um valor acrescentado muito importante para o cliente, dada a nossa experiência e rigor em termos de cumprimento de prazo, orçamentos e qualidade de execução. Temos vindo a conquistar reconhecimento neste setor, reforçando o número de projetos em carteira e merecendo hoje o voto de confiança de vários clientes que são referências no setor em 
Portugal”.

Obra executada em Modelo Open Book

Gonçalo Valente, Business Developer da Tétris e JLL, por seu turno, explica que “estamos ativamente à procura de oportunidades no setor hoteleiro e turístico, para o qual podemos aportar muitas vantagens a nível de serviço. Desde logo, com recurso a processos de gestão e fornecimento proativo, como é o caso do modelo Open Book, de que esta obra mais recente na Quinta da Marinha é um excelente exemplo. É um processo que permite importantes poupanças de custos e, sobretudo, de tempo, que são cruciais em qualquer setor, mas ainda mais na área hoteleira, especialmente neste tempo de pandemia”. 
Sugerido, neste caso concreto, pela Tétris ao cliente, o modelo Open Book é um processo evolutivo em que se faz a consulta ao mercado de materiais e fornecedores à medida que a obra vai progredindo, sem necessidade de concurso e definindo-se uma margem de faturação à cabeça, bem como um valor fixo de estaleiro. “Tal processo tem a grande vantagem de permitir otimizar o tempo de concretização das obras e a gestão do orçamento, garantido ao cliente que o mesmo não é excedido. Neste caso concreto, a obra foi executada em menos 2 meses do que o inicialmente previsto, por se ter abdicado de um processo tradicional de concurso. Com o Open Book, o cliente recebe um produto de qualidade, de acordo com os parâmetros arquitetónicos desejados, dentro do orçamento previsto, otimizando o prazo e, obtendo, assim, uma rentabilização extra.
Paulo Figueiredo, Director Geral de Operações – Quinta da Marinha Golf & Hospitality, afirma: “Para o grupo Onyria a escolha da Tétris e da sua equipa, foi um processo relativamente simples dado o trabalho realizado na recente obra de renovação do nosso Onyria Quinta da Marinha Hotel, num novo modelo de “Open Book” que confere transparência e flexibilidade ao dono de obra. Conseguimos cumprir com rigor os objetivos de prazo, qualidade e orçamento, encontrando soluções e respostas às vicissitudes normais e anormais que este tipo de projetos levanta, ainda mais numa fase como a que estamos a viver, com enorme escassez de meios e materiais. A Tétris e as suas equipas foram sempre capazes de em conjunto com o Grupo Onyria, a equipa de arquitetura e fiscalização, ir encontrando as soluções que visassem o sucesso deste importante projeto.”
Especialista na conceção e execução de obras nos segmentos de retalho e escritórios, a Tétris pretende fortalecer o seu percurso no segmento hoteleiro, estando atualmente a participar em vários concursos para a intervenção em ativos desse segmento. Do seu portfólio fazem já parte a remodelação do Hotel Quinta da Marinha, em Cascais, a reformulação do Hotel Monte Real, em Leiria, bem como a expansão do Hotel Valverde, na Avenida da Liberdade, em Lisboa.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.