23 / Julho / 2019

Terça

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Empresas ver todas os artigos desta secção

OTIS apresenta soluções para a reabilitação de estruturas de madeira de edifícios antigos

01 de Março de 2019 às 16:23:55

tamanho da letra:

Empresas

A OTIS apresentou alguns case studies de implementação de elevadores em projetos de “Reabilitação de Estruturas de Madeira de Edifícios Antigos”, tema que esteve em análise durante um Workshop promovido pela APRUPP, Associação Portuguesa para a Reabilitação Urbana e Proteção do Património, em coorganização com o ISCTE-IUL.

Durante a iniciativa, que decorreu no dia 27 de fevereiro, foi frisada a importância da reabilitação do património edificado na atividade da Construção em Portugal, “cujo peso terá de ser crescente atendendo à dinâmica do turismo cultural”, assim como a necessidade de uma “abordagem metodológica (…) para o sucesso das operações de reabilitação, desde o diagnóstico à conclusão da obra”.
“A experiência e know-how da OTIS consiste na compreensão deste tipo de projetos e apresenta-se como um parceiro com soluções de mobilidade que permitem responder aos requisitos específicos da reabilitação. Os projetos de reabilitação são transversais a vários setores, nomeadamente o residencial e comercial (escritórios e hotelaria)”, refere-se em comunicado emitido após a realização do encontro. No mesmo comunicado explica-se que “os edifícios antigos têm, normalmente, uma potência mínima nas áreas comuns” e que “a OTIS, “pioneira nesta solução”, apresenta um elevador com uma potência mínima de 220 V e 500 W, que tem ainda a particularidade de poder fazer 100 viagens em caso de falta de eletricidade. Se estiver ligado a painéis fotovoltaicos, “torna-se um elevador autossuficiente, possibilitando uma reabilitação eficiente”, conclui-se no referido comunicado.
O Workshop “Reabilitação de Estruturas de Madeira de Edifícios Antigos“, dirigido a todos os técnicos e municípios que procuram intervenções qualificadas com preservação dos edifícios antigos, contou ainda com o apoio institucional da Universidade de Aveiro, do ICOMOS e do ISTAR-IUL, e com o patrocínio da OTIS.


 

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.