11 / Dezembro / 2019

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Empresas ver todas os artigos desta secção

Novo empreendimento residencial no valor de 60 milhões nasce na Foz do Douro

28 de Outubro de 2013 às 11:19:06

tamanho da letra:

Empresas

Dois anos depois do lançamento do seu primeiro projeto residencial na zona norte do País, a ESPART lança de um novo empreendimento junto à Foz do rio Douro.

Denominado Douro Atlantic Garden, o projeto representa um investimento de 60 milhões de euros e é composto por moradias, apartamentos e espaços de comércio.
Segundo avança a gestora imobiliária, ”nesta primeira fase de lançamento serão colocados em comercialização 30 lotes para moradias unifamiliares e geminadas”.
O empreendimento, localizado em Vila Nova de Gaia, na margem sul do rio Douro, junto à praia, beneficia de vistas panorâmicas sobre o Oceano Atlântico, o rio Douro e a cidade do Porto. Com O Douro Atlantic Garden situa-se numa área anteriormente ocupada por uma unidade de seca de bacalhau, da qual mantém ainda algumas marcas no terreno. Com cerca de 16 ha, o loteamento prevê lotes para moradias unifamiliares e geminadas, apartamentos e comércio.
Para o projeto das moradias prevê-se a comercialização dos lotes de terreno com projeto ou ainda com a construção da moradia. A ESPART oferece a possibilidade do cliente escolher o conceito arquitetónico da sua moradia unifamiliar a partir das propostas dos arquitetos Frederico Valsassina e Elói Castro ou implementar o seu próprio projeto arquitetónico, que terá de respeitar um conjunto de orientações para manter a coerência do empreendimento.
Está prevista também a construção de edifícios residenciais, com cinco pisos. Nas orlas do terreno, a construção será mais baixa, constituída sobretudo por moradias de um ou dois pisos.
Predominantemente residencial, com uma área bruta de construção de 8.730 m2, nesta primeira fase, o projeto prevê ainda amplos espaços verdes, equipamentos coletivos, comércio e serviços. Uma rede pedonal liga a habitação aos equipamentos, aos espaços públicos e ao passeio marginal já existente.
O lançamento da segunda fase do projeto deverá ocorrer no terceiro trimestre de 2014 e incidirá na reabilitação de um dos pavilhões da antiga seca de bacalhau, que dará lugar a um mercado local de conveniência, recriando o modelo de comercialização tradicional. Prevê-se que a construção desta fase do Douro Atlantic Garden fique concluída em meados de 2015, simultaneamente com a ocupação das 30 moradias da 1ª fase.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.