13 / Novembro / 2019

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Empresas ver todas os artigos desta secção

DST aumenta carteira de encomendas em 87 milhões

04 de Dezembro de 2009

tamanho da letra:

Empresas

A DST encerrou o terceiro trimestre de 2009 com um ganho adicional de 87 milhões de euros na sua carteira de obras.

A DST encerrou o terceiro trimestre de 2009 com um ganho adicional de 87 milhões de euros na sua carteira de obras. A construtora bracarense ganhou projectos em várias áreas de actividade.

No sector da construção, a DTS, em consórcio com a Painhas, assegurou a participação na construção do Centro de Valorização Orgânica de Mirandela. A obra tem o valor de 25,7 milhões de euros e é o primeiro projecto nacional a ser aprovado no âmbito do Programa Operacional Temático de Valorização do Território. O seu objectivo é transformar metade das mais de 50 mil toneladas de lixo produzidas anualmente no município em compostos orgânicos e em energia eléctrica.
Na área dos transportes, a construtora ganhou a reabilitação das infra-estruturas no troço Miranda do Corvo-Serpins, do ramal da Lousã, no valor de 22,7 milhões de euros. Esta empreitada, desenvolvida em consórcio com as empresas Isolux Ingenieria, Corsan Corviam Construcción e Dorsalves, prevê a construção de uma nova infra-estrutura ferroviária e a remodelação da zona envolvente das oito estações contempladas.
Por último, o consórcio constituído pela DST e pelas empresas Condurill e HLC conseguiu a empreitada de execução da ETAR do Cávado-Homem, situada na localidade de Prado, em Braga, que representa um encaixe de 8,9 milhões de euros. O projecto, que está associado à Frente de Drenagem 12 do Sistema Municipal de Saneamento do Vale do Ave, começará por tratar um caudal médio diário de 7617 m3 e prevê-se que esteja concluído em 22 meses.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.