29 / Outubro / 2020

Quinta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

APDL investiu meio milhão de euros no Douro

17 de Setembro de 2020 às 12:20:04

tamanho da letra:

Notícias

A Administração dos Portos do Douro, Leixões e Viana do Castelo (APDL) acaba de anunciar a conclusão das obras de melhoria do canal e dos cais de espera a jusante da eclusa da Valeira, na Via Navegável do Douro (VND), que envolveram um investimento de 500 mil euros.

A obra teve como objetivo "melhorar a segurança e a fluidez de um local que estava, até à data, interdito a embarcações com mais de 20 metros de comprimento. A empreitada surgiu, assim, da necessidade de criar pontos de paragem para todo o tipo de embarcações, permitindo que os navios se pudessem cruzar à saída da eclusa da Valeira, reduzindo para metade os anteriores tempos de espera, e criando condições de acostagem para os todos os tipos de navios, a montante do Tua", afirma a administração portuária em comunicado. 
No âmbito da empreitada foram, ainda, realizadas mais três intervenções: o restauro do ponto de acostagem existente na Alegria, de forma a aumentar a fluidez de circulação das embarcações que navegam na albufeira; a construção dos cais de São Martinho e Castelinho; e a reabilitação do cais da Boavista e Alegria, situados nos municípios de Carrazeda de Ansiães e de São João da Pesqueira. "Este investimento veio otimizar os tempos de eclusagem – processo que permite a elevação de uma embarcação a uma barragem quando esta se situa num leito do rio de um nível mais baixo –, e aumentar a segurança nas áreas de espera deste troço", explica a APDL, recordando que, até à data, "a passagem simultânea de embarcações estava interdita entre o Pinhão e a Valeira, facto que provocava maiores tempos de espera visto as embarcações terem de aguardar uma pela outra para poderem atravessar o troço".

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.