12 / Julho / 2020

Domingo

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Governo aprova Orçamento Suplementar para 2020

09 de Junho de 2020 às 10:00:14

tamanho da letra:

Notícias

O Governo aprovou hoje em Conselho de Ministros a proposta de lei que altera a Lei do Orçamento do Estado para 2020, permitindo a materialização do Programa de Estabilização Económica e Social.

Em síntese, e de entre os aspetos que revestem maior importância para as empresas, a proposta de lei do Orçamento Suplementar para 2020 estabelece um regime especial de dedução de prejuízos fiscais e procede a um ajustamento das regras e formas de pagamento relativas aos pagamentos por conta, em sede de IRS e de IRC, devidos no período de tributação de 2020.
Por outro lado, reinstitui-se o Crédito Fiscal Extraordinário de Investimento (CFEI II), criando uma dedução para as despesas de investimento realizadas entre 1 de julho de 2020 e 30 de junho de 2021, com a obrigação de manutenção de postos de trabalho durante um período de três anos.
A proposta de lei do Orçamento Suplementar para 2020 prevê igualmente um regime excecional de pagamento em prestações para dívidas tributárias e dívidas à Segurança Social e, em sede de contratação pública, a dispensa de visto prévio do Tribunal de Contas para os procedimentos cujo valor dos contratos seja inferior a 750 mil euros.
Por último, salienta-se a inclusão de uma autorização legislativa para o Governo poder criar um apoio extraordinário à retoma progressiva de atividade em empresas em situação de crise empresarial, definido em função da quebra de faturação e permitindo a redução de período normal de trabalho, estabelecendo limitações aos despedimentos e à distribuição de dividendos.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.