23 / Outubro / 2019

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Novos contratos ao abrigo do Revive representam investimento de 13 milhões

18 de Setembro de 2019 às 16:20:07

tamanho da letra:

Notícias

O Governo assinou hoje dois novos contratos de concessão ao abrigo do programa Revive, nomeadamente do Convento do Carmo, em Moura, ganho pelo grupo SPPTH, que explora o Convento do Espinheiro, em Évora, e do Quartel do Carmo, na Horta, Açores, adjudicado à Sociedade Lux Mundi.

O investimento total para a recuperação do Convento do Carmo, em Moura, está estimado entre 5 a 6 milhões de euros, estando previsto construir um hotel de 5 estrelas com 50 quartos. A unidade hoteleira que irá nascer vai dispor ainda de restaurante e piscinas interior e exterior.
O Convento do Carmo foi edificado em 1251 e foi o primeiro da ordem carmelita fundado na Península Ibérica, tendo sido deste convento que saíram os monges que fundaram o Convento do Carmo em Lisboa.
No caso do Quartel do Carmo, na Horta, está previsto um investimento de 8 milhões de euros na construção de um hotel de 5 estrelas com 80 a 90 quartos. O empreendimento irá dispor de piscina, SPA e salas para reuniões.
O Quartel do Carmo, cuja construção remonta ao início no século XVII, como Convento da Ordem das Carmelitas, situa-se num planalto da cidade da Horta, com vista sobre o porto e tendo como horizonte o mar e a ilha do Pico.
Os contratos de concessão agora assinados têm uma duração e 50 anos. 
Até ao momento foram adjudicados 9 imóveis do Programa Revive, que representam um investimento de 68 milhões de euros, tendo sido lançados 19 concursos públicos. Estão abertos os concursos para a concessão do Mosteiro de Lorvão, em Penacova; do Forte da Ínsua, em Caminha; e do Mosteiro de São Salvador de Travanca, em Amarante.
   

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.