15 / Setembro / 2019

Domingo

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Bancos lançam solução para pagamentos, em lote, de serviços e ao Estado

12 de Julho de 2019 às 11:20:53

tamanho da letra:

Notícias

O Banco de Portugal e a comunidade bancária nacional disponibilizaram às empresas uma nova solução para o processamento, em lote, de pagamento de serviços e de pagamentos ao Estado, que inclui, por exemplo, a Taxa Social Única (TSU) e os pagamentos à Segurança Social

Esta nova solução, disponível desde o passado dia 10 de julho, permite às empresas enviarem vários pagamentos através de um único ficheiro, com um formato harmonizado entre os diversos prestadores de serviços de pagamento, designadamente para: pagamentos de serviços com entidade e referência; pagamentos da Taxa Social Única; pagamentos ao Estado; pagamentos à Segurança Social.
Para usufruírem deste serviço, as empresas terão de contactar o seu prestador de serviços de pagamento. De notar que os prestadores de serviços de pagamento não são obrigados a disponibilizar aos seus clientes esta ferramenta de processamento de pagamentos em lote. No entanto, em nota disponibilizada na sua página da internet, “o Banco de Portugal recomenda vivamente a sua utilização generalizada na comunidade bancária nacional, dados os ganhos significativos que proporciona em termos de eficiência, quer para as empresas (como ordenantes e destinatárias destes pagamentos), quer para o Estado e para os próprios prestadores de serviços de pagamento”.
Para obterem mais informação sobre esta ferramenta, as empresas interessadas poderão consultar o manual do Banco de Portugal sobre o registo normalizado para pagamento de serviços.

 

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.