19 / Dezembro / 2018

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Projeto de renovação triplica dimensão do principal terminal ferroviário europeu

24 de Julho de 2018 às 12:30:18

tamanho da letra:

Notícias

A Ceetrus, empresa de imobiliário misto, vai ser a responsável pela metamorfose do terminal ferroviário Gare du Nord, em Paris, através do desenvolvimento de um ambicioso projeto, que terá como principal objetivo a adaptação do espaço à evolução da sociedade, triplicando a sua dimensão, até 2024.

Para o desenvolvimento deste projeto, foi criada uma parceria entre a Ceetrus e a SNCF Gares & Connexions — divisão da SNCF (Société Nationale des Chemins de Fer Français), empresa pública de caminhos-de-ferro franceses. Em conjunto, serão responsáveis pela ampliação da Gare du Nord e pela sua exploração comercial por um período de 35 a 46 anos. Tendo em vista a realização dos Jogos Olímpicos de Paris 2024, pretende-se triplicar o volume da Gare du Nord, passando de 36 mil para 110 mil m2, tornando o tráfego daquele que é o terminal ferroviário mais movimentado no espaço europeu mais fluido, confortável e seguro para os passageiros. Por outro lado, este projeto vai fazer nascer um novo distrito na cidade, com serviços de restauração e comerciais, escritórios, infraestruturas de desporto e cultura.
Em comunicado a Ceetrus explica que “esta transformação envolve a criação de 65.516 m2 de superfícies que compreendem 20.817 m2 para espaço comercial, 7.312 m2 para escritórios e 5.689 m2 para coworking, um pólo de lazer, cultura e desporto com mais de 9.000 m2, 1.771 m2 em restauração e 6.172m2 de serviços.
Da responsabilidade do Gabinete de Arquitetos Valode & Pistre, o projeto conduzirá a uma transformação considerada tão importante quanto a liderada pelo arquiteto Hittorff em 1864 e posicionará a Gare du Nord como “o novo “coração” urbano de dimensão internacional, na capital francesa”.
O novo terminal de embarque inspira-se nas paragens parisienses do séc. XIX, melhorando a qualidade das funcionalidades ferroviárias e intermodais, que compreendem a ligação a três estações de metro, autocarros, comboios de transporte diário para distâncias curtas, assim como transporte de alta velocidade para viagens de longo curso (Eurostar e TGV). A mobilidade e acessibilidade em redor da estação serão também alvo de requalificação e serão criados mais de 1.200 lugares de estacionamento para bicicletas.
A transformação mais simbólica da adaptação da estação às evoluções da sociedade em prol das atividades desportivas conduzirá à construção, inédita em França, de uma pista de atletismo de 1 km nos telhados da estação, conjugada com um ginásio e outros equipamentos desportivos (padel, basquetebol, e campos de golfe).
A nova Gare du Nord será também “exemplar em questões ambientais”, oferecendo espaços verdes e de produção de energia renovável. “O trabalho, a construção e a operação da estação respeitarão os padrões ambientais mais exigentes”, garante-se no referido comunicado.
Atualmente, a Gare du Nord recebe 700 000 passageiros por dia. Com a sua requalificação espera-se que este número aumente para 800.000 passageiros em 2024 e 900.000 em 2030.

 

Empresa gere mais 200 mil m2 em Portugal

 

A Ceetrus, empresa da Auchan Holding detida pela cadeia económica de origem francesa Associação Familiar Mulliez (AFM), conta com mais de 40 anos de experiência no setor imobiliário, sendo hoje uma das principais empresas de imobiliário em centros comerciais, e está presente em 12 países na Europa e Ásia. A empresa gere, em todo o mundo, mais de 400 centros comerciais que representam mais de 4 milhões de m2 de área bruta locável (ABL) e cerca de 7.5 mil milhões de euros em ativos.
Em Portugal a Ceetrus está presente em 11 municípios, gerindo mais de 200 mil m2 de ABL, distribuídos por mais de 700 lojas e quiosques em centros comerciais. Do seu portefólio fazem parte as Galerias Comerciais Jumbo localizadas em Alverca, Canidelo, Cascais, Famalicão, Maia, Santo Tirso e Sintra, os Centros Comerciais Alegro em Alfragide, Castelo Branco e Setúbal e ainda o Forum Montijo, o Forum Sintra e o Sintra Retail Park.


 

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.