24 / Junho / 2018

Domingo

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Portugal deve ser “um País com capacidade para atrair mão-de-obra qualificada”

26 de Abril de 2018 às 10:50:05

tamanho da letra:

Notícias

Numa altura em que a os empresários da Construção manifestam a sua preocupação pela crescente escassez de mão-de-obra no Setor, o ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social defendeu durante uma audição no Parlamento que Portugal deve ser “um País com capacidade para atrair mão-de-obra qualificada”.

Na Comissão Eventual de Acompanhamento do Processo de Definição da Estratégia Portugal 2030, Vieira da Silva afirmou que o regresso dos trabalhadores qualificados a Portugal deve ser um objetivo a inserir no novo programa comunitário plurianual pós-2020. “O regresso dos nossos quadros deve ser um objetivo a inserir neste quadro. O quadro global tem de ser favorável ao regresso e à permanência. As políticas públicas têm também a obrigação de favorecer este regresso”, referiu o governante, acrescentando que Portugal já foi um País de destino da imigração qualificada e não há razão “para que isso não possa voltar a acontecer”.
O Ministro destacou que Portugal tem capacidade para atrair mão-de-obra qualificada e realçou que é frequente “encontrar empresas plurinacionais do ponto de vista dos recursos humanos”.
Estas declarações surgem numa altura em que o setor da  Construção se debate com uma reconhecida falta de mão-de-obra qualificada, resultado da concorrência internacional no recrutamento de trabalhadores, e que, no atual contexto de recuperação do Setor, é já apontada pelos empresários da Construção como sendo o obstáculo à atividade que mais se tem acentuado nos últimos anos.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.