16 / Outubro / 2018

Terça

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

BPI financia primeiro projeto de reabilitação urbana no Porto no âmbito do IFRRU2020

05 de Março de 2018 às 15:22:32

tamanho da letra:

Notícias

O BPI vai financiar o seu primeiro projeto de reabilitação urbana na cidade do Porto, no âmbito do programa IFRRU2020.

A operação, no montante de 1,5 milhões de euros, com prazo de 20 anos, destina-se a financiar um projeto de investimento de 2 milhões de euros para a reabilitação integral de um edifício localizado na Baixa do Porto, próximo da estação de S. Bento.
O imóvel, que se encontra devoluto, será convertido num empreendimento dotado de 16 apartamentos turísticos, com tipologias T0, T1 e T2, que será comercializado sob a designação “S. Bento Residences - Family & Business Lofts”.
O projeto de arquitetura está a cargo do Arquiteto Nuno Grande do gabinete de arquitetura Pedra Líquida. A obra de reabilitação caracteriza-se pela sua modernidade, incorporando uma obra criada pelo artista plástico Vhils, em parte da fachada do edifício. O mercado-alvo é o segmento médio-alto, estando os apartamentos vocacionados tanto para famílias, como para o segmento corporate.
Recorde-se que o BPI assinou com a Entidade Gestora do IFRRU 2020, em agosto de 2017, um Acordo de Financiamento visando a concessão a este banco de uma dotação financeira de 186 milhões de euros, para implementar um instrumento financeiro de dívida no contexto do IFRRU 2020.
Complementarmente à dotação financeira atribuída, o BPI cofinanciará os projetos na base de 1:1, ficando assim disponível um valor global de 372 milhões de euros, para financiamento de projetos situados no território nacional.
A dotação financeira atribuída ao BPI reúne contribuições de diversas fontes de financiamento, quer comunitárias, como os Fundos Europeus Estruturais e de Investimento (FEDER e Fundo de Coesão) e o Banco Europeu de Investimento, quer outras como o Banco de Desenvolvimento do Conselho da Europa.
Neste contexto, o Banco criou a Linha BPI/IFRRU 2020 – Reabilitação Urbana para concessão de novas operações de financiamento de Médio e Longo Prazo. As operações são compostas por duas tranches, a primeira das quais utilizará os fundos IFRRU sob gestão ("Tranche IFRRU") e a segunda utilizará fundos BPI ("Tranche BPI"), assegurando-se, assim, que em cada operação de financiamento 50% dos fundos são públicos (com taxas de juro mais baixas).

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.