26 / Maio / 2018

Sábado

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Esposende investe 1, 7 milhões de euros na rede de saneamento de Marinhas

22 de Novembro de 2016 às 14:22:41

tamanho da letra:

Notícias

Numa intervenção estimada em 1,7 milhões de euros, o município de Esposende vai proceder à instalação da rede de saneamento básico no lugar do Monte, em Marinhas.

Para além da instalação da rede de drenagem de águas residuais domésticas, a empreitada contempla a remodelação da rede de abastecimento de água e a ampliação e remodelação da rede de drenagem de águas pluviais, incluindo a reposição de pavimentos na plataforma total dos arruamentos.
“Ao longo da última década foram efetuados investimentos significativos na área do saneamento básico em Marinhas, de acordo com as prioridades sentidas pelo município, infraestruturando as zonas dos aglomerados mais densos e colmatando as zonas mais críticas sob o ponto de vista da salubridade.
Considerando que Marinhas apresenta praticamente em toda a sua extensão um solo extremamente rochoso, com predominância granítica de elevada dureza, que se traduz numa reduzida capacidade de infiltração dos solos e na ineficácia dos órgãos particulares de tratamento de águas residuais, a empresa municipal Esposende Ambiente, elaborou, em 2006, um projeto para as infraestruturas de saneamento básico para a globalidade da freguesia, tendo entretanto concretizado diversas empreitadas, nomeadamente nos lugares de Igreja, Rio de Moinhos, Pinhote e Góios”, explica o município de Esposende em comunicado.
A empreitada que vai agora ser executada no lugar do Monte “faz parte desse projeto global, que foi reformulado e perfeitamente enquadrado nos condicionalismos atualmente existentes”, acrescenta a autarquia.
As novas infraestruturas irão servir cerca de 200 habitações, estimando-se que mais de 600 habitantes possam ser beneficiados. A obra tem um prazo de execução de cerca de um ano e meio e deverá ter início no segundo trimestre de 2017.
“Esta intervenção insere-se num conjunto de novas empreitadas em infraestruturas básicas que o município, por si e através da Esposende Ambiente, irá concretizar. Refira-se que atualmente o concelho apresenta uma taxa de cobertura de 85% ao nível da rede de saneamento básico. Relativamente ao abastecimento de água, a cobertura é da ordem dos 100%.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.