28 / Maio / 2018

Segunda

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Portugueses criam modelo para avaliar segurança sísmica dos edifícios

24 de Agosto de 2016 às 10:32:14

tamanho da letra:

Notícias

Um grupo de investigadores e docentes do Politécnico de Leiria e da Universidade do Porto criaram um modelo de cálculo que simula o comportamento das paredes de alvenaria e o seu efeito nos edifícios existentes durante os sismos.

“Esta ferramenta permite avaliar a segurança dos edifícios em situação de sismo e é ainda um passo importante para a comunidade científica e técnica ter mais confiança nos resultados produzidos, influenciado assim o melhor dimensionamento dos novos edifícios”, explica Hugo Rodrigues, investigador do Politécnico de Leiria.
O modelo desenvolvido já foi distinguido, vencendo recentemente o primeiro prémio no concurso internacional FRAMA 2015 International Benchmark / Blind Prediction Contest, entre dez equipas concorrentes de diversos países: Itália, Alemanha, Turquia, e EUA.
Hugo Rodrigues esclarece ainda que “o desenvolvimento e validação de modelos de cálculo avançado permite ainda a realização de estudos detalhados, que servem para a definição de regras para aplicação do engenheiro no dia-a-dia do projeto, em particular na consideração dos efeitos das paredes de alvenaria de enchimento nestas situações, que são por norma são um elemento não estrutural e, por isso, não são consideradas no cálculo».
O modelo numérico da estrutura de betão armado com painéis de alvenaria de enchimento foi desenvolvido pelos portugueses André Furtado, João Oliveira, Hugo Rodrigues, Humberto Varum e António Arêde e conseguiu prever de forma muito satisfatória o seu comportamento quando sujeita a uma série de acelerogramas, reproduzidos em ensaios em mesa sísmica.
O projeto resulta da experiência adquirida pela equipa de investigação ao longo dos últimos anos, que propôs, desenvolveu e calibrou um modelo numérico simplificado, publicado na revista Earthquake Engineering & Structural Dynamic, que se mostrou eficaz na reprodução da resposta sísmica do edifício de betão armado ensaiado, com um esforço computacional associado muito limitado.
A equipa, constituída por investigadores e docentes da Escola Superior de Tecnologia e Gestão do Politécnico de Leiria, e da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto, vai receber o galardão do FRAMA em outubro, na Faculty of Civil Engineering/University of Osijek, na Croácia. Este concurso é financiado pela Croatian Science Foundation e tem como objetivo obter a previsão do comportamento de uma estrutura porticada, representativa de um edifício de betão armado com paredes de alvenaria de enchimento, com recurso a modelos numéricos da resposta sísmica, para diferentes níveis de intensidade.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.