18 / Agosto / 2018

Sábado

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Louvre Capital reabilita edifício do séc. XIX para habitação

11 de Agosto de 2016 às 10:08:54

tamanho da letra:

Notícias

Um edifício datado de 1886, situado numa das zonas mais nobres da capital, vai receber um novo projeto residencial premium.

Promovido pela Louvre Capital, o Alexandre Herculano 41, na esquina com a rua Rodrigo da Fonseca, junto à avenida da Liberdade, vai ser reabilitado a partir de um projeto assinado pelo atelier de Frederico Valsassina e inicia esta semana o processo de comercialização.
A JLL/Cobertura foi a empresa selecionada pelo promotor para proceder às vendas dos 21 apartamentos que compõem a oferta.
Construído para habitação na passagem do século XIX para o século XX, época de grande expansão urbana da capital, o edifício será agora reabilitado com vista a manter a sua fachada original, além de preservar elementos decorativos e estruturais de raiz nos seus interiores, como os desenhos das carpintarias, as cimalhas e os ornamentos dos tetos. Estes elementos originais e a amplitude dos apartamentos são, segundo frisa a JLL/Cobertura em comunicado, “fatores distintivos das unidades, onde se destacam ainda a elegância, contemporaneidade, funcionalidade e conforto pontuados pela qualidade dos acabamentos e nobreza dos materiais”. Os apartamentos estão disponíveis nas tipologias T1 e T2, com áreas entre 59 m2 e 131 m2, com varandas em todas as unidades, jardins privados em duas unidades do piso térreo e terraços nas duas penthouses. A construção terá início em setembro, com previsão de conclusão para o segundo semestre de 2017.
“A Louvre Capital pretende ser um player de referência na revitalização urbana de Lisboa, transformando edifícios históricos em propriedades únicas e exclusivas, com conceitos inovadores, arquitetura moderna e pleno respeito pelo caráter do bairro e sua vivência. A empresa acredita que o Alexandre Herculano 41 é um edifício de características únicas, que será totalmente restaurado de forma a preservar o máximo da sua herança arquitetónica, cultural e paisagística, mas, ao mesmo tempo, adaptando-o e dando-lhe todo o conforto e comodidades de um estilo de vida contemporâneo”, refere sobre este investimento Paulo Loureiro, sócio gerente da Louvre Capital, empresa de promoção e gestão imobiliária especializada na aquisição, renovação e gestão de ativos imobiliários residenciais e comerciais, em particular na área da reabilitação de edifícios antigos em Lisboa.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.