18 / Novembro / 2018

Domingo

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Esposende investe mais de meio milhão de euros em obras de beneficiação

01 de Julho de 2016 às 10:53:14

tamanho da letra:

Notícias

O Município de Esposende vai proceder ao reperfilamento e infraestruturação do troço da Rua de Serpa Pinto, entre a Rua das Pedreiras e a Rua Forno da Cal, em Fão, num investimento estimado de aproximadamente de 419 000 euros. Já em julho arranca a obra de águas pluviais, na Rua das Pedreiras, no valor de 140 mil euros.

“Trata-se da primeira fase de uma obra há muito ansiada e reivindicada pela população e pela própria Junta de Freguesia e por isso o Município decidiu concretizá-la”, vincou o presidente da Câmara Municipal de Esposende. Esta intervenção traduzir-se-á na instalação/beneficiação de todas as infraestruturas, nomeadamente da EDP, EDP Gás e PT, incluindo também a beneficiação das redes de água e de águas pluviais e a instalação de saneamento onde a rede é inexistente, possibilitando a ligação de 84 moradias.
Na mesma empreitada serão, assim, executadas diversas intervenções, “minimizando custos e constrangimentos para a população”, sendo que, para tal, será constituído um agrupamento de entidades adjudicantes, situação que ocorre pela primeira vez no Município de Esposende. A obra da Rua de Serpa Pinto tem um prazo de execução de nove meses, prevendo-se que os trabalhos arranquem no início do próximo ano, correspondendo à primeira fase de um conjunto de intervenções que estão previstas para aquela área envolvente.
Esta intervenção integra o Plano de Investimento nas Freguesias e “reveste-se da maior relevância pelo benefício que resultará para a população, particularmente para os moradores, contribuindo para valorizar urbanisticamente esta zona da vila de Fão e para a melhoria da qualidade de vida da população”, reforça a autarquia em comunicado.
É intenção do Município, por via da empresa municipal Esposende Ambiente, candidatar a obra, no que concerne às infraestruturas de água e saneamento, a fundos europeus, nomeadamente no Eixo “Proteger o Ambiente e Promover a Eficiência dos recursos”, do Programa Operacional Sustentabilidade e eficiência no Uso de Recursos (POSEUR). Porém, pela importância que a obra tem, a autarquia assegura, desde já, o investimento global inicial.
 
Foto: Notícias e Televisão de Esposende

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.