22 / Setembro / 2019

Domingo

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

Nova escola do Conservatório de Música de Sintra orçada em 3,5 milhões

18 de Setembro de 2013 às 15:15:00

tamanho da letra:

Notícias

O Conservatório de Música de Sintra apresenta no próximo dia 5 de outubro o projeto de arquitetura escolhido para a construção de um novo edifício para a escola, obra que se encontra orçada em 3,5 milhões de euros.

Em maio de 2013, no âmbito da “Missão 2017”, um plano de angariação de fundos para a construção das novas instalações, foi lançado um concurso de arquitetura, que desafiou diversos ateliers a proporem a melhor solução para um edifício que constituísse não só uma referência no panorama da arquitetura, mas que também permitisse alargar a oferta educativa do Conservatório– dispor de espaços de estudo, estúdios de gravação e de um auditório com 200 lugares.
A obra está orçada em 3,5 milhões de euros, valor que se estima reunir através da promoção de eventos, do apoio de mecenas e patrocinadores, mas também de capitais próprios e recurso a crédito bancário.
Os trabalhos apresentados a concurso foram avaliados ao longo destes meses por um painel de jurados, composto pelo Conservatório de Música de Sintra, pelos arquitetos José Prata e Pedro Pacheco e pelo engenheiro Nuno Santos.
No dia 5 de outubro será efetuado o anúncio do projeto vencedor para a edificação da única escola de música do concelho de Sintra com autonomia pedagógica concedida pelo Ministério da Educação, à margem de um espetáculo que visa precisamente a angariação de fundos para o efeito. 
O evento consiste na interpretação do clássico Carmina Burana, pelos Coro Leal da Câmara, grupo formado no Conservatório, Banda de Música da Força Aérea, Coro Sinfónico Lisboa Cantat, Coro da Universidade Técnica de Lisboa e Coro con Brio (também do CMS), no Centro Cultural Olga Cadaval.
O CMS funciona desde 1979 num espaço cedido pela Junta de Freguesia de Rio de Mouro. A insuficiência de salas e a crescente dinâmica de atividade levaram a associação a definir como prioritária a construção de novas instalações para a escola, tendo a Câmara Municipal de Sintra cedido um terreno, em Rio de Mouro, para a concretização deste objetivo.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.