11 / Dezembro / 2019

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Notícias ver todas os artigos desta secção

27% das autarquias aumentam IMI sobre imóveis reavaliados

16 de Maio de 2013 por Lurdes Neto às 14:18:24

tamanho da letra:

Notícias

Cerca de 27% dos municípios portugueses aumentaram a taxa do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) sobre prédios já avaliados, “apesar do natural aumento do imposto por via da reavaliação do património imobiliário”.

A denúncia é feita pela APEMIP-Associação dos Profissionais e Empresas de Mediação Imobiliária, que aponta Setúbal, Santarém, Vila do Conde, Vila Nova de Gaia, Albufeira, Olhão e Portimão, como exemplos de alguns dos municípios que aplicaram este acréscimo, sendo que Setúbal, Vila do Conde, Albufeira e Portimão chegaram mesmo a aplicar a taxa máxima de IMI sobre estes imóveis.
Para aquela Associação, o agravamento fiscal assim verificado é ainda mais preocupante, “se se tiver em conta que alguns destes concelhos fazem parte das principais regiões turísticas do País”, o que poderá traduzir-se num forte desincentivo à continuidade do Turismo Residencial.
Entre os municípios que, ao invés, decidiram diminuir a taxa de IMI aplicada sobre os imóveis já avaliados (ao todo 19% dos municípios), encontram-se Lisboa e Guimarães.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.