22 / Outubro / 2019

Terça

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Acontecimentos em agenda ver todas os artigos desta secção

Peru convida empresas estrangeiras para investimentos milionários em infraestruturas

01 de Dezembro de 2014 às 15:09:00

tamanho da letra:

Agenda

Considerado um dos principais mercados emergentes da atualidade, o Peru aposta agora no desenvolvimento de infraestruturas de transporte, para aumentar a competitividade e criar um centro de logística que integra a América Latina, com a região Ásia – Pacífico.

Após ter alcançado uma estabilidade económica, sustentada num crescimento médio anual e ininterrupto ao longo dos últimos 14 anos do PIB de 5,6%, as perspetivas de investimento do país, seja em concessões rodoviárias, seja em projetos de obras públicas nos segmentos ferroviário, portuário e aeroportuário ultrapassam largas dezenas de milhar de euros, representando oportunidades de negócio potencialmente interessantes.
Para dar a conhecer e permitir aos empresários explorar essas oportunidades e contactarem com as autoridades responsáveis pela execução dos respetivos projetos, realiza-se, nos próximos dias 28 e 29 de janeiro, na capital daquele país da América Latina, Lima, a Cimeira Internacional sobre Infraestruturas no Peru – “Peru International Infrastructure Summit”.
Durante os dois dias, diversas apresentações, reuniões bilaterais, mesas redondas e informação variada, “garantem que os participantes saem da Cimeira com toda a informação e contactos necessários ao desenvolvimento de um futuro negócio”, explica a RDN Global, entidade organizadora do evento.

Setores prioritários

Segundo a empresa especializada na organização de reuniões privadas entre instituições públicas, governamentais e empresariais, os compromissos de investimento em concessões no setor dos Transportes rondavam, no início de 2013, 7,300 bilhões de dólares, tendo em vista a sua modernização, a redução dos custos logísticos  e impulsionar a integração do Peru com os mercados globais em condições de maior competitividade.
As infraestruturas já desenvolvidas serão complementadas por novos investimentos programados pelo governo até 2016, na ordem dos 20,5 bilhões de dólares.
Só este ano e até à data, as instituições peruanas, de três níveis de governo, aprovaram 9.073 projetos de infraestruturas. Por seu turno, o valor dos projetos de investimento público (PIP) aprovados atingiu um recorde de 11,41 bilhões de dólares.
Entre as prioridades definidas estão a construção de estradas, autoestradas, aeroportos, ferrovias e canais fluviais.
A Cimeira Internacional sobre Infraestruturas no Peru, será pois, “um evento único para conhecer e conversar com altos funcionários do governo local sobre futuros projetos disponíveis, assim como outros investidores, e compreender os quadros normativo em configurações-chave do mercado”, conclui a RDN Global.

 

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.