20 / Novembro / 2019

Quarta

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Noticia ver todas os artigos desta secção

Requalificação do Glicínias Plaza inicia-se com o alargamento das acessibilidades.

08 de Julho de 2019 às 16:13:50

tamanho da letra:

As obras de melhoramento na zona urbana envolvente ao centro comercial Glicínias Plaza, em Aveiro, avaliadas em cerca de 1,5 milhões de euros, arrancaram no início deste mês.

O contrato celebrado entre o Grupo Vougainvest, proprietária do espaço comercial, e a Câmara de Aveiro prevê o melhoramento das condições de acessibilidade rodoviária. Segundo Jorge Buco, diretor geral do grupo Vougainvest, “a expansão do Glicínias e as contrapartidas acordadas com o Município de Aveiro neste âmbito, são um projeto único, no qual estão incluídas todas as obras, tanto as internas como as externas”.
Está já em curso a reestruturação do eixo de ligação entre a Rotunda do Eucalipto e a Rotunda localizada à frente da entrada principal do Centro Comercial, assim como criação de um novo acesso de entrada na área do loteamento no sentido sul/norte entre a Rotunda do Eucalipto e a Linha do Norte.
No total, prevê-se uma ampla intervenção em cerca de 86 mil m2, nomeadamente o alargamento do tabuleiro superior da (ex) EN 109 sobre a Linha do Norte, a reestruturação do cruzamento da (ex) EN 109 com a EN 235 e a instalação do parque infantil.
Prestes a completar 20 anos de existência, o Glicínias está a ser alvo de uma profunda requalificação e ampliação, em resposta à crescente procura de marcas nacionais.
As obras, que tornarão o espaço no maior centro comercial da cidade, deverão estar concluídas em dois anos, incluindo a construção de dois novos pisos, a criação de um parque infantil e a melhoria dos acessos rodoviários.
O valor do investimento total da obra, a cargo do grupo Vougainvest, proprietário do espaço e, ainda, do Foz Plaza, na Figueira da Foz, é de cerca de 40 milhões de euros. O renovado centro comercial terá 2 mil lugares de estacionamento gratuito, 120 lojas e uma área bruta locável de 41 mil m2, tendo atualmente cerca de 28 mil m2 e 75 lojas.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.