22 / Julho / 2017

Sábado

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Artigos de Opinião ver todas os artigos desta secção

Diminuir a distância entre a AECOPS e os associados

15 de Dezembro de 2011 por José Tomaz Gomes* às 14:27:13

tamanho da letra:

Opinião

A primeira publicação em papel editada pela AECOPS, melhor, pela sua antecessora Associação de Classe dos Construtores Civis, Mestres d’Obras, de Lisboa, foi a revista “A Construcção”, que começou a ser publicada em Dezembro de 1893.

Depois de longo interregno veio o GRICCOPS – Grémio Regional da Indústria da Construção Civil e Obras Públicas do Sul, em Janeiro de 1970, dar continuidade à publicação dessa revista, passando a chamar-lhe “Indústria da Construção” e mantendo a sua publicação regular, de três em três meses, até 1974, altura em que foi suspensa, um dos reflexos negativos do período muito conturbado conhecido pelo Grémio, a seguir a Abril de 1974.
No entanto, apesar das dificuldades de diversa ordem que aconselharam essa suspensão, a breve trecho se tornou imperioso criar uma alternativa que permitisse a comunicação fácil e directa com as empresas agremiadas e cujos custos fossem suportáveis. E, em 15 de Dezembro de 1974, surge, assim, o nº 1 do “Boletim” que, em 16 de Outubro de 1975, retoma uma nova série, já sob a égide AECOPS. O nº 24 foi o último número desta publicação, com data de Novembro de 1978.  Assim e após uma primeira série de nove números, seguida de uma segunda fase com 24 números publicados, terminou a edição do “Boletim” que, em Dezembro de 1978, dava lugar novamente à publicação da revista “Indústria da Construção”, agora com periodicidade bimestral, como reflexo da normalização que, nessa altura, já caracterizava os serviços da AECOPS.
A partir de Janeiro de 1985 a “Indústria da Construção” adoptou a periodicidade mensal e adquiriu então um cunho de significativa actualidade, sofrendo uma nova reformulação gráfica e passando a ter uma grande componente informativa.
Mas a conveniência de dispor de um meio de comunicação de grande actualidade, capaz de divulgar junto de todos os agentes do Sector as principais questões que quotidianamente se lhes colocavam e de fácil leitura, levou a AECOPS a iniciar, em 1995, a par da revista “Indústria da Construção”, a publicação do “Jornal da Construção”, um jornal semanário, o primeiro lançado no País exclusivamente dedicado à Construção, no formato designado por tabloide curto, impresso em papel de jornal e com a linha gráfica característica deste tipo de publicações.
Em termos tecnológicos, evoluiu--se em 2005 para a produção dos “pdf” das páginas do Jornal, dispensando a intervenção de quaisquer serviços de pré-impressão, processo que culminou em 2006 com a total desmaterialização do Jornal durante todas as fases que antecedem a sua reprodução. Embora sem ter direito ainda a uma página própria, o Jornal passou a estar disponível também num local específico do site da AECOPS na internet ao início da manhã de todas as quintas-feiras.
Em Agosto de 2007, dadas as dificuldades já sentidas no Sector da Construção e já não se justificando a edição de dois meios de comunicação periódicos, ao fim de 37 anos de existência, foi suspensa a publicação da revista “Indústria da Construção”. Assim e ao nível da comunicação intra--sectorial, aqui se integrando a informação destinada às empresas associadas e às demais entidades ligadas ao Sector, a actividade editorial da AECOPS passou a assentar fundamentalmente na utilização das circulares e das cartas-circulares em suporte de papel, da página na internet da AECOPS e da edição em papel e da página da internet do semanário “Jornal da Construção”, canais que constituíram, até hoje, o essencial do sistema de informação da AECOPS.
Foi longo o caminho que a informação da Associação percorreu no papel e que a pouco e pouco se preparou para percorrer utilizando as novas tecnologias.

Agora, a internet permite à AECOPS organizar, transformar e processar essa informação em velocidade e capacidade cada vez maiores e com custos cada vez mais reduzidos, beneficiando tanto quem a produz como aqueles que a utilizam.
E faz diminuir a distância entre a Associação e as empresas associadas.
O “Jornal da Construção” edita hoje, 15 de Dezembro de 2011, o seu número 694. É a sua última edição em papel, depois de 16 anos ininterruptos de produção. Razões de ordem económica e financeira assim o impõem. Mas razões de ordem ambiental, que estão na ordem do dia, também assim o sugerem.
A informação da AECOPS, neste domínio, é, assim, desmaterializada, mas não é suprimida. A página da internet “Jornal da Construção” continua, difundindo a informação e o conhecimento produzidos na Associação que interessam particularmente às empresas de Construção e, como sempre, na defesa intransigente dos legítimos interesses do sector da Construção Civil e Obras Públicas.

*Vice Presidente Executivo da AECOPS

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.