22 / Outubro / 2019

Terça

Diretor: José Tomaz Gomes | Editor: AECOPS

Economia ver todas os artigos desta secção

Taxa de juro do crédito à habitação com baixa ligeira

23 de Maio de 2013 por Lurdes Neto às 17:12:34

tamanho da letra:

Economia

A taxa de juro implícita no conjunto dos contratos de crédito à habitação fixou-se, em abril, em 1,442%, diminuindo 0,006 pontos percentuais comparativamente com a taxa observada no mês anterior.

Segundo os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE) esta diminuição na taxa de juro face ao mês anterior “foi menos intensa que a observada em março (redução de 0,035 p.p. em relação a fevereiro)”.
Já nos contratos celebrados nos últimos 3 meses, a taxa de juro implícita registou uma subida de 0,035 p.p. face ao registado no mês anterior, para uma taxa de juro de 3,149%, salientando o organismo oficial de estatística que “ este foi o primeiro aumento da taxa de juro para estes contratos desde março de 2012”.
Por seu turno, o valor médio da prestação vencida para a totalidade dos contratos em vigor foi, em abril, de 260 euros, mantendo-se assim o valor registado em março, enquanto para o conjunto dos contratos de crédito à habitação celebrados nos últimos 3 meses, fixou-se nos 284 euros, o que traduz um “novo mínimo da atual série, diminuindo 10 euros em relação ao mês anterior”.

Comentar

Iniciar Sessão

Nome de Utilizador

Palavra-chave

Se não tem conta,

Registe-se aquiEsqueceu-se da palavra-chave?

Comentar este artigo

Título

Texto

Os comentários deste site são publicados após aprovação, pelo pedimos que respeitem os nossos Termos de Utilização.
O seu IP não será divulgado, mas ficará registado na nossa base de dados.
Por favor, não submeta o seu comentário mais de uma vez.